Declaração Escritos medievais, digestões e pertença

Sou maior de idade e faço declarações. É certo que nasci a trinta e cinco de Abril, em parte incerta, e tenho um estado civil duvidoso, mas já tenho condição para dizer o que penso. Profissão? Alguma, ando de um lado para o outro, faço o que me pedem e às vezes o que não me pedem. Tenho carta de condução e livre e espontânea vontade. Mais alguma coisa?

Ode a tudo

As pessoas até eram capazes de pensar, o coitadinhoAs pessoas até eram capazes de pensar, o coitadinho está tão mal que até escreve sobre os avós. Ninguém está preparado para ler sobre as coisas mais íntimas dos outros. Dos garrotes, das pipetas ou dos pica-dedos. Presenças avassaladoras e simples que nos protegem como uma aura. Mas aqui o caso é diferente. Trata-se de Gastronomia. E de uma viagem a Leste. está tão mal que até escreve sobre o avô. Ninguém está preparado para ler sobre as coisas mais íntimas dos outros. Dos garrotes, das pipetas ou dos pica-dedos. Presenças avassaladoras e simples que nos protegem como uma aura. Mas aqui o caso é diferente. Trata-se de Gastronomia. E de uma viagem a Leste.

Pin It on Pinterest